Hezan "Skirmir Payens"

Ir em baixo

Hezan "Skirmir Payens"

Mensagem por Hezan em Seg Nov 07, 2011 9:00 am





Nome: Hezan.

Nome Verdadeiro: Hezan Skirmir Payens ou (Payns)

Signo: Valaskjalf: ( Aquário)
("O Saguão Prateado", morada de Vali, filho de Odin e vingador da morte de Baldur. Está voltado para o futuro e é muito dedicado às pessoas; costuma ser caprichoso, independente e cordial; geralmente, tem uma alma racional e ao mesmo tempo voltada para projetos extravagantes. O coração e o cérebro se comunicam perfeitamente na motivação dos seus atos.)

Classe: Paladino.

Raça: Humano.

Idade: 19 anos.

Altura: 1,90 metros. (Sem o peco. xD)

Estado Civil: Solteiro

Clã: Garten Von Edda

Peso: Um pouco mais de 200 kg, usando sua Armadura.

Tipo Sanguíneo: A-

Local de Nascimento: Desconhecido.

Hobby: Explorar novos lugares, Fazer amigos e Viajar.

Cores favoritas: Azul, Vermelho, Dourado e Prateado.

Comida e Bebida Preferida: Suco de maçã e Sushi e estrogonoffe de carne de filhote de lobo do deserto.





Pele: Clara.

Olhos: Castanhos Claros.

Cabelo:Cabelo curto de cor preta quase marrom.

Traços Característicos: Cicatriz, um corte vertical de uma antiga batalha no olho esquerdo.

Mão Dominante: Destro.

Vestimenta: Armadula Legendária propria para templários muito pesada. Tambem carrega um escudo cruzado bem pesado e uma lança de caça muito poderosa.

Possessões Valiosas: Um cordão com um lindo crucifixo usado pelos seus antepassados, deixado pelos seus pais antes de morrerem.

Spoiler:






- Está Voltado para o furuto e é muito dedicado ás pessoas;
- É independente e cordial;
- E tambem é persistente.





Spoiler:



O início da Ordem do Templo é incerto e não se sabe determinar com exatidão quando foi fundada a Ordem, como e quais são todos os seus fundadores.

É desconhecida a identidade de todos os cavaleiros que deram início à Ordem dos Templários, embora entre seus fundadores se mencione Hugo de Paganis (figura associada pela historiografia oficial a um nobre da Casa dos Condes de Champagne, chamado Hugo de Payns), assim como o flamengo Godofridus de Sancto Audemaro (conhecido por Godofredo de San Omer, da família dos Castellans de San Omer em Flandres), Godofredo Bisol, Payen de Montdidier, Rossal e Archibaldo de Saint-Amand. Uma carta do Rei Balduíno nos permite conhecer outros dois cavaleiros cujos nomes são André e Gondemaro.

Em torno de 1118 se reuniram em Prontera para se consagrarem a serviço de Deus, como canônicos juramentados, seguindo a regra de Santo Agostinho e fazendo ante o Patriarca Gormondo os três votos comuns de obediência, pobreza e castidade, mais um quarto voto de defender e preservar os Santos Lugares, assim como proteger os peregrinos. O rei Balduíno II lhes cedeu a ala de seu palácio situado na cidade de Prontera, no Monte do Templo, daí seu nome posterior, templários.

Não se sabe de quem partiu a idéia de organizar uma força armada para a proteção e defesa dos peregrinos que chegavam à Terra Santa. No caso de que Hugo de Paganis fosse como se disse Hugo de Payns, cabe pensar que chegara à Terra Santa no ano de 1114 em companhia do Conde de Champagne. A ser assim, a idéia de criar a Ordem do Templo teria partido diretamente dele, testemunho das vexações e crimes que tinham que sofrer os peregrinos, ou melhor do próprio conde de Champagne, que não teria podido encabeçar pessoalmente a fundação e aprovação da Ordem por ter que regressar à Prontera por pedido de sua esposa. Diz-se também que a iniciativa partiu do rei Baluíno, do Patriarca de Rune-Midgard, de alguns dos companheiros de Hugo de Paganis, ou do jovem abade cisterciense São Bernardo de Claraval.

Muito se tem especulado sobre as atividades que teriam desenvolvido os primeiros templários. O certo é que durante todos esses anos os freires templários conservaram o hábito secular, mas muito pouco se sabe do que fizeram nas ruínas do Templo de Prontera e de suas atividades de proteção aos peregrinos na Terra Santa.

Quando finalmente os cavaleiros pediram a regra, o patriarca Esteban de la Fierte pediu ao papa Honório II que se lha concedesse. Este deu a responsabilidade do importante assunto a Bernardo, sobrinho do templário fundador, André de Montbard.

Foi Godofredo de San Omer quem junto com outros cavaleiros templários acompanhou Hugo de Paganis, eleito primeiro Mestre da comunidade nascente, e ao patriarca de Rune-Midgard ao concílio de Troyes, onde a Ordem do Templo receberia A Regra.

A partir desse momento começaram a receber incontáveis doações e petições de ingresso de novos irmãos na Ordem. Isso levaria a que, em poucos anos, aqueles pobres Soldados de Cristo, que iniciaram sua história residindo nas ruínas do Templo de Prontera, fossem se convertendo paulatinamente na ordem militar mais poderosa, rica e influente de Rune-Midgard.

Cronologia Histórica da Ordem

Guillermo, Bispo de Tiro, fala de 1119 como o ano onde, em Prontera, "certos" nobres cavaleiros fizeram profissão por Cristo. Outros historiadores da época citam o ano de começo da Ordem em 1118.

Hoje ninguém duvida de que as atividades dos Pobres Cavaleiros de Cristo começaram muito antes. Esta é a história da Ordem do Templo.

• 1118 - Criação da Ordem por nove cavaleiros que recebem o apoio do Rei de Rune-Midgard Balduíno II, quem lhes cede uma parte de seu palácio, sobre as ruínas do Templo de Prontera.

• 1127 - Hugo de Payens e cinco de seus cavaleiros, portando uma carta de apresentação de Balduíno II a Bernardo de Claraval e financiando o rei de Rune-Midgard a viagem, regressam em Rune-Midgard para conseguir apoios e obter a autorização eclesiástica para a fundação da Ordem e a aprovação de sua "regra" de vida.

• 1128 - Contando com o apoio de São Bernardo, o Mestre consegue que o Papa Honório II convoque o Concílio de Troyes que autorizará eclesiasticamente a ordem já fundada.

• 1130 - Depois do concílio dedicam-se a percorrer Rune-Midgard em busca de cavaleiros e doações para a Ordem. Conseguem importantes dádivas da maioria das casas reinantes e estabelecem as bases das províncias templárias no continente de Rune-Midgard.
Nesse mesmo ano, escreve Bernardo de Claraval sua "De laude novae militiae" onde tenta conciliar a idéia do monge e do guerreiro em uma só pessoa e por sua vez e de forma muito audaz, cruza o umbral da chamada "guerra justa" na qual se combate pelo bem comum a "guerra santa" na qual se combate em nome de Deus.

• 1136 - Falece Hugo de Payens. Sucede-o Roberto de Craón, chamado "O Borgonhez", um nobre proveniente de Anjou. Cria-se uma base sólida e estrutura para poder governá-la com eficiência.

• 1139 - É promulgada a bula "OMNE DATUM OPTIMUM" que foi a "carta magna" da Ordem. Nela, Inocêncio II liber o Temple de toda a sujeição à autoridade, exceto a do Papa e concede além disso outros importantes privilégios.

• 1144 - A bula "MILITES DEI" lhes concede o benefício de fazer coleta uma vez por ano em cada igreja secular.

• 1145 - A bula "MILITIA DEI", dirigida aos bispos, lhes notifica a autorização ao Templo para construir seus oratórios.

• 1147 - O Papa Eugênio III concede ao Templo o uso da cruz no manto.

• 1149 - Falece Roberto de Craon. Sucede-o Everardo de Barres.

• 1150 - De Barres preside um capítulo em Prontera. Andrés de Montbar, Senescal da Ordem, escreve-lhe uma carta anunciando a morte de Raimundo de Antióquia e o reclama em Prontera.

• 1151 - Em lugar de regressar à Terra Santa, De Barres decide buscar uma vida mais tranquila e se retira para o monastério cistercience de Citeaux. Bernarde de Tremelay é o Mestre do Templo. Diversas fontes citam também Hugo Jofre como Mestre.

• ll56 - Falece André de Montabard. Sucede-o Bertrand de Blanquefort.

• 1160 - A bula "DILECTI FILII" obriga o clero secular a aceitar a quarta parte da doação testamentária (em lugar da terça, com vinha sendo habitual), por parte daqueles que desejavam ser enterrados em cemitérios templários.

• 1163 - Fica estruturada a organização da Ordem, através dos "Retraits". Constavam de 675 artigos e se agregaram à "Regra" da Ordem. Definiam a vida conventual e o estado hierárquico, regulavam os capítulos, a eleição de Mestre, e os castigos e penitências para as violações da regra. Também fixavam a forma de admissão dos aspirantes.

• 1169 - É eleito Mestre Felipe de Mailli (ou de Naplusia).

• 1171 - Verifica-se a renúncia do Mestre F. De Milli. É eleito Odón de Saint Amand, que havia sido mariscal do Reino de Rune-Midgard. Este último foi feito prisioneiro por Saladino, en Sidón e morre no cativeiro.

OBS: Essa história foi tirada de um site e foi modificada para que entre no cotexto do ragnarok. Só a coloquei para que entendam um pouco do passado da ordem dos templários pois tem alguns ligamentos com a biografia do meu personagem.

Os Grãos Mestres da Ordem do Templo

Primeira Etapa



• 1118 - 1136 Hugues de Payens

• 1136 - 1146 Robert de Craon

• 1146 - 1149 Everard de Barres

• 1149 - 1153 Bernard de Tremalai

• 1153 - 1156 Andrew de Montbard

• 1156 - 1169 Bertrand de Blanchefort

• 1169 - 1170 Phillip de Milly

• 1170 - 1179 Odo de St. Amand

• 1179 - 1185 Arnold de Torroge

• 1185 - 1189 Gerard de Ridefort

• 1190 - 1193 Robert de Sable

• 1193 - 1201 Gilbert Erail

• 1201 - 1208 Phillip de le Plaissez

• 1208 - 1218 William de Chartres

• 1218 - 1230 Peter de Montaigue

• 1230 - 1245 Armand de Perigord

• 1245 - 1250 William de Sonnac

• 1250 - 1256 Reynald de Vichiers

• 1256 - 1272 Thomas Berard

• 1272 - 1291 William de Beaujeau

• 1291 - 1295 Tibald Gaudin

• 1295 - 1314 Jacques de Molay



Spoiler:
















Pericias:
- Pericia em Espada e lanças ambas de 1 mão.
- Pericia em Escudos altamente pesados.
- Pericia em trabalho em equipe e estratégia de ataque e defesa!

Atributos:
Força: Alta
Agilidade: Média
Vitalidade: Alta
Inteligência: Baixa
Destreza: Alta
Sorte: Média

Carisma: Alta
Manipulação: Baixa
Aparência: Média
Percepção: Média
Sabedoria: Baixa
Raciocínio:Alto

Em breve estarei colocando a biografia dele. :\\-/:


Última edição por Hezan em Qui Nov 10, 2011 9:02 am, editado 3 vez(es)
avatar
Hezan
Esqueleto
Esqueleto

Número de Mensagens : 6
Idade : 25
Pontos : 2397
Reputação : 0
Data de inscrição : 04/11/2011

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Hezan "Skirmir Payens"

Mensagem por Momo em Seg Nov 07, 2011 12:37 pm

pobres filhotes de lobo do deserto.... /snif
avatar
Momo
Múmia
Múmia

Número de Mensagens : 587
Idade : 107
Localização : Na terra onde as estrelas nunca brilham.
Pontos : 4137
Reputação : 8
Data de inscrição : 04/06/2008

Ficha do personagem
Nome: Sophia Asagao
Profissão: Feiticeira
Clã: Chama Prateada

Ver perfil do usuário http://deviantart.momo-noguiko.com

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Hezan "Skirmir Payens"

Mensagem por Namae em Seg Nov 07, 2011 8:08 pm

POOOOOSTLONGO!

Hm, legal. mentira nem li tudo Gostei bastante da parte da história da Ordem do Templo, pode dar um plano de fundo bom pra RP: só acho que podia filtrar um pouco a Cronologia e os Grãos Mestres. Principalmente a partir do Período L'Armenius (e contando o próprio), porque a Cronologia não explica nada a partir daí '-'.

Outra coisa: apesar da história ser boa (verdadeira, não?), é legal inserir isso no contexto do Rag. São universos diferentes, entende? Um não tem muito a ver com o outro. Eu reveria a questão religiosa e as datas, p'ra que os eventos façam sentido comparados à cronologia do próprio Rag. Caso não, mude as coisas, ora! Não precisa seguir a glóóória da Ordem do Templo à risca.



A parte do Combate 'tá bem-feita, balanceada, enquanto faltam detalhes na da Personalidade. Dá a entender que você pensou no char só como um combatente... tem muito espaço p'ra construir o psicológico ainda. Aliás, sugiro que dê umas características a ele que se baseiem na Biografia o/.

Bom, essa sua biografia promete! Quero ver isso aí.
*não sai do tópico: senta e espera*

@off:
Está Voltado para o furuto[...]
Juntos para um furuto melhor! *faz um gesto com os indicadores, invocando misteriosamente um arco-íris*

Carne de filhote de lobo é mais macia? o_O Ah bem...
avatar
Namae
Esqueleto
Esqueleto

Número de Mensagens : 41
Idade : 22
Localização : ATRÁS DE VOCÊ! ...ou não
Pontos : 2440
Reputação : 0
Data de inscrição : 07/10/2011

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Hezan "Skirmir Payens"

Mensagem por Hezan em Qui Nov 10, 2011 8:59 am

Up! Atualizada História da Ordem dos Templarios.

Obrigado pelos elogios e pelas criticas Namae. Eu estou modificando a historia da Ordem do Templarios como eu queria fazer desde o inicio.
avatar
Hezan
Esqueleto
Esqueleto

Número de Mensagens : 6
Idade : 25
Pontos : 2397
Reputação : 0
Data de inscrição : 04/11/2011

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Hezan "Skirmir Payens"

Mensagem por Conteúdo patrocinado


Conteúdo patrocinado


Voltar ao Topo Ir em baixo

Voltar ao Topo


 
Permissão deste fórum:
Você não pode responder aos tópicos neste fórum